#SEMPENA2016 foi a bandeira das celebrações do Dia Paralímpico que este ano decorreram na Praça do Comércio, com atividades de desporto adaptado abertas à experimentação do público. Fernando Medina e Marcelo Rebelo de Sousa visitaram o local, a jornada começou com a participação do vereador do Desporto, Jorge Máximo.

 

 

Lisboa acolheu este ano o Dia Paralímpico, 14 de maio, na Praça do Comércio com uma jornada de experimentação e demonstrações de modalidades paralímpicas e surdolímpicas, que contou com diversos atletas apurados para os jogos do Rio de Janeiro . Jorge Máximo, vereador do Desporto da Câmara Municipal de Lisboa participou na abertura, à tarde o espaço foi visitado pelo presidente da autarquia, Fernando Medina, e o Presidente da República. 

Inclusão, igualdade e superação foram as palavras mais ouvidas nos discursos, sentidas por todos quantos assistiram às atividades e sobretudo pelos que tiveram oportunidade de experimentar algumas modalidades como o ténis de mesa, a escalada, o judo, o tiro com arco ou o voleibol sentado. 

Sempre presente esteve a #SEMPENA2016, uma campanha de apoio aos atletas paralímpicos lançada pelo Comité Paralímpico de Portugal e representativa de uma mudança de atitudes que se exige na sociedade: o abandono do preconceito e o respeito pela diferença. Fernando Medina, Marcelo Rebelo de Sousa e Jorge Máximo não faltaram à chamada e fizeram-se fotografar com aquela que será hoje uma das hashtags mais partilhadas nas redes sociais.

Na praça do Comércio, a “sala nobre da cidade”, como frisou Jorge Máximo, muitas crianças, adultos e jovens tiveram a oportunidade de experienciar as dificuldades do desporto adaptado, como pedalar numa bicicleta com as mãos, jogar ténis de mesa numa cadeira de rodas ou à bola com os olhos vendados. 

“Vamos ter muitos heróis em setembro nos jogos paralímpicos”, afirmou Jorge Máximo na abertura da jornada, lembrando que a autarquia tem vindo a trabalhar para promover a inclusão e a igualdade no deporto. A Câmara de Lisboa “tem como baluarte da sua política o combate às assimetrias e está no bom caminho para a promoção do desporto adaptado e para a valorização dos atletas paralímpicos” sublinha. 

“Onde há vontade não há limitações” é uma afirmação dos atletas paralímpicos e o vereador lembra-a para afirmar que é esse o princípio celebrado pelo Dia Paralímpico, uma celebração que procura unir as pessoas e afirmar a qualidade de vida.

 

 

in Câmara Municipal de Lisboa

Webmaster de:

Recomendo:

Atenção! Este sítio usa cookies. Ao continuar a utilizar o sítio concorda com o uso de cookies. Saber mais...